Artigos

Gestão Escolar e Gestão Educacional : O que é gestão escolar ? Conceitos, processos e diretrizes

Data de Publicação :: 07/04/2019

A gestão escolar ou educacional refere-se à administração do sistema de ensino como um todo, em que um grupo combina recursos humanos e materiais para supervisionar, planejar, criar estratégias e implementar estruturas para iniciar e manter um sistema de ensino. A gestão da educação é a convergência de conhecimentos, habilidades, valores, crenças, hábitos e atitudes com experiências de aprendizagem, resultando no planejamento e seguimento cultural de uma empresa que fornece serviços educativos.

Sistema de gestão escolar na administração de cursos, escolas e faculdades

Administrar e dar seguimento a um plano educacional envolve fases como planejamento, organização, implementação, revisão, avaliação e integração. É um modelo próprio, criado para cada instituição de ensino em particular, de acordo com seus conceitos e fundamentos, com o objetivo de promover e coordenar diferentes níveis de habilidades humanas em prol da qualidade do ensino e da gestão da educação.

Podemos definir ainda gestão escolar ou a gestão da educação como o conceito de administrar uma instituição de ensino com eficácia. É um conceito aplicado a todos os tipos de instituições, como escolas, cursos livres e faculdades. Os profissionais que atuam em gestão educacional estão presentes em departamentos do governo, empresas privadas ou ONGS, formulando novas políticas e estratégicas, pesquisando e desenvolvendo formas de enriquecer e aprimorar o sistema escolar em todos os níveis possíveis.

Sistemas de gestão para cursos, escolas e faculdades

Sendo assim, a gestão educacional ou gestão escolar, é um esforço abrangente que lida com as práticas educacionais. Um planejamento dinâmico para execução de processos previamente definidos. A gestão escolar lida com recursos humanos e materiais. Os recursos humanos incluem: Alunos, pais, professores e outros empregados em geral - universidade do Conselho de Educação nos níveis local, estadual e nacional de Governos. No lado material, há finanças, edifícios e terrenos, equipamentos e suprimentos de instrução.

Além do mais, existem idéias, leis e regulamentos que exercem influência sobre o processo educacional. A mistura dessas partes em um todo tangível é o que abrange a gestão educacional. É um sistema de organização interno da instituição de ensino, envolvendo todos os setores, que foram devidamente engajados e relacionados com estabelecer e seguir as práticas definidas. A gestão da escolar visa garantir um desenvolvimento social e educacional eficaz, com base nas diretrizes definidas no plano de gestão.

Como resultado de uma ótima gestão escolar, realizada com cuidado e planejamento, espera-se que a instituição obtenha excelência e qualidade no ensino em todos os aspectos que possam ser medidos através de indicadores mensuráveis.

Outros fatores obtidos como resultado de uma boa gestão da educação, são:

1) Redução da inadimplência e um melhor controle financeiro, conquistados através de uma gestão financeira mais efetiva, ao fazer uso de ferramentas que forneçam gráficos sobre faturamentos, lucros, despesas e fluxo de caixa, além de permitir que determinadas tarefas sejam executadas com mais segurança e velocidade, como por exemplo, ao utilizar uma ferramenta que gerencie os boletos bancários para pagamento das mensalidades ou ainda, estabelecendo um processo de lembrança antecipada por email aos alunos sobre as mensalidades que irão vencer ou ainda, um processo de aviso sobre não pagamentos.

2) Prevenção da evasão escolar, obtida a partir de um maior acompanhamento acadêmico com alunos, responsáveis e professores, utilizando ferramentas que fomentam a comunicação entre todos os atores relacionados (pais e alunos), integrando-os cada vez mais ao ciclo acadêmico da instituição.

3) Captação de novos alunos, como resultante de atividades relacionadas ao marketing e ao uso de ferramentas que permitam gerenciar alunos interessados, enviar propostas e acompanhar o desempenho de cada prospecção comercial.

4) Maior agilidade na execução de atividades acadêmicas, permitindo, por exemplo, que as notas acadêmicas sejam lançadas pelos próprios professores e acessadas por alunos e pais ou responsáveis através de um software de gestão escolar acadêmico que possua estes requisitos. Outro exemplo que podemos citar é que o software realize a geração automática de documentos acadêmicos, como diários de classe, boletins de notas, certificados, declarações, contratos, etc.